sábado, 1 de maio de 2010

OFICINA DE PROJETOS CULTURAIS: ANALISANDO PONTOS CRÍTICOS


Plano de Negócios, Captação de Recursos, Produção, Editais. Estes são os principais temas da Oficina de Projetos Culturais que será realizado ainda em maio pela Associação Comunidade Tia Marita, em parceria com a Fundação Cultural de Ilhéus.
A oficina terá início com a análise dos pontos críticos na Elaboração de Projetos Culturais. Questões como inviabilidade do projeto do ponto de vista econômico ou financeiro, projeto sem estratégia eficaz de venda, despreparo do agente cultural em marketing, administração e finanças, seleção errada dos canais de venda e/ou distribuição do produto cultural, produto cultural sem demanda real por parte do público alvo. E mais: projeto não enquadrado em lei de incentivo, sem oferecer vantagens fiscais ao comprador em potencial, com linguagem inadequada ao comprador em potencial, com apresentação visual descuidada, com muitos erros de português, com problemas político-ideológicos na sua relação com empresários e captador de recursos com a postura do “pires na mão”.
“Estas questões serão tratadas de forma pragmáticas”, explica o Assessor de Cultura da Fundação Cultural de Ilhéus, Pawlo Cidade, principal interlocutor da Oficina e responsável pela apresentação também dos editais que estão com inscrições abertas para a cultura. “Criar um projeto é sempre um desafio. Porque, além de dizer o que você quer, quem você quer atingir, ter argumento para convencer, mostrar que você possui estratégias, planejamento e que os insumos condizem com os objetivos, as metas, o orçamento etc, precisa pensar como os avaliadores pensam. O que não é uma missão muito fácil”, finaliza Pawlo Cidade.
As inscrições são gratuitas. Local e dia da realização serão divulgadas terça-feira, dia 4 de maio.

2 comentários:

Juliana Noronha disse...

Olá,
quando será a oficina?
um grande abraço
Juliana.

Pawlo Cidade disse...

Provavelmente dia 21 de maio, das 9 às 17 horas, no auditório Fernando Leite Mendes.