segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Programa do Livro Popular



As primeiras ações do Programa do Livro Popular começam a ser implementadas pela Fundação Biblioteca Nacional já na próxima semana, com investimentos de R$ 36 milhões do Fundo Nacional de Cultura para comprar livros para bibliotecas. “Vamos inverter duas grandes lógicas estabelecidas”, anuncia o presidente da Fundação Biblioteca Nacional, Galeno Amorim. “Todos os elos – desde os autores até os varejistas, passando pelos editores e os distribuidores – terão papel fundamental no programa, o que ajudará a fortalecer toda a cadeia produtiva”, afirma.

Segundo Amorim, o cadastramento, por edital, dos livros populares pelos editores, constitui a primeira etapa do trabalho. As livrarias, bancas de jornal e outros estabelecimentos de varejo que queiram vender livros mais baratos serão convidados a se inscrever no programa.

As bibliotecas estão sendo cadastradas pelo Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas e convidadas a aderir ao PLP. Elas receberão um cartão-livro com créditos que vão de R$ 300,00 a R$ 15 mil para a compra dos livros que elas próprias escolherão.

Durante a abertura da Bienal do Rio, a presidenta Dilma Rousseff assinou ainda o decreto de criação do Plano Nacional do Livro e da Leitura (PNLL). O plano, formulado em 2006, constitui um conjunto de políticas, programas, projetos, ações continuadas e eventos empreendidos pelo Estado e pela Sociedade, para promover o livro, a leitura, a literatura e as bibliotecas no Brasil.

Participaram também da cerimônia de abertura do evento, o ministro da Educação, Fernando Haddad; a ministra da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Helena Chagas; o governador do estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral; o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes; o vice-governador do estado do Rio, Luiz Fernando Pezão; o presidente da Academia Brasileira de Letras, Marcos Vilaça; e a  presidente do Sindicato Nacional dos Editores de Livro, Sonia Jardim.

(texto: Jean Souza, Ascom/FBN/MinC/Adaptado)

2 comentários:

Genny Xavier disse...

Paulo, você é um incansável guerreiro da luz na luta em favor da cultura...
Já estou seguindo alguns dos seus interessantes espaços virtuais.
Será um prazer ter sua visita em meu "Baú de Guardados"...fique a vontade para comentar, sugerir, seguir...
Beijos,
Genny

Pawlo Cidade disse...

Obrigado, amiga. Farei uma visita sim. Um abraço.